Convite, Dicas + Tendências, Noivas, Planejamento

5 dicas para montar uma lista de convidados para casamento

Um dos pontos mais delicados durante a organização do casamento é a montagem da lista de convidados. Ela é feita bem no início e gera muito desconforto para as noivas. Afinal, seria maravilhoso convidar todo mundo que vocês conhecem, não é mesmo? Mas as coisas não funcionam dessa forma, e nós vamos explicar o porquê.

O principal fator para chamar ou não muitas pessoas é a verba disponível para realizar a festa. É financeiramente impossível convidar 500 pessoas se o orçamento máximo contempla 200. Esse é um cuidado que você deve ter com ou sem assessoria de uma empresa especializada.

Mas calma! Não precisa se desesperar. Preparamos 5 dicas que vão te ajudar (e muito) nessa fase super importante da montagem da lista de convidados para casamento. Acompanhe!

1. Comece pela família

Uma forma de não se perder é listar por ordem alfabética ou montando uma árvore genealógica a partir de um parente mais antigo como avó e bisavô. Deixe tudo bem visual e você lembrará das pessoas indispensáveis para a realização do seu grande sonho.

2. Crie uma tabela de importância de convidado

Não se sinta mal por definir quem realmente é importante para esse momento. O casamento é uma celebração inesquecível e, necessariamente, ocorre uma seleção de pessoas. Utilize esta lista abaixo como referência, crie uma tabela e marque o nível de importância de 1 a 5. Assim, você se certificará de que tomou as melhores decisões!
  • Faz parte da minha rotina e frequenta minha casa?
  • Participa da vida do casal ou apenas de um dos noivos?
  • Mesmo com a distância, dá parabéns em datas comemorativas?
  • Já conversou com o noivo alguma fez?
  • Foi convidado para alguma festa de aniversário?
  • Conhece a história do casal?
  • Faz parte da história de um dos noivos?
  • É importante para o casal?
  • Apoiaram o casal com alguma frase ou mensagem?
  • Já conversou sobre o casamento?
  • Já saiu com o casal ultimamente?
  • Possui relação de amizade ou apenas coleguismo de trabalho?
  • Possui amizade recente ou apenas de infância?
  • É uma pessoa que deixaria o casamento mais animado?

3. Seja claro com parentes e o noivo sobre a lista de convidados para casamento

Existem situações delicadas e que devem ser contornadas o quanto antes. Financiar o casamento, por exemplo, não dá o direito de convidar quem quiser. Ser pai ou mãe também não. Claro que deve existir um equilíbrio, mas sempre deixe claro que a escolha é feita pelo casal, afinal, o casamento é uma comemoração da união entre eles.

A limitação financeira pode ser um ótimo argumento nesse momento. Isso vale também para pedidos indiscretos, amigos de amigos e situações similares.

4. Não force a confirmação

Além de constrangedor, como não faz parte da nossa cultura, acaba sendo inviável, mesmo utilizando serviços profissionais de RSVP. Geralmente, a confirmação vem pouco tempo antes da cerimônia, então, utilizar essa estratégia para alocar novos convidados pode ser um tiro no pé.

5. Utilize o Excel para tudo!

Existem algumas técnicas simples para agilizar a organização e a montagem da lista de convidados. Utilize o Excel para listar os possíveis convidados. A partir disso, você pode seguir em diante facilmente na base do “copiar” e “colar”, criando tabela de importância, listas específicas para chá de lingerie, despedida de solteiro, entrega de convites, lembranças e tudo mais!

Montar uma lista de convidados para casamento exige uma atenção especial a alguns pontos importantes, desde a escolha dos principais convidados, amigos próximos e distantes, de uma forma organizada e sem dor de cabeça. Assim, tudo fica bem mais simples e você pode ter mais tranquilidade para definir a identidade visual dos convites para que tudo saia do jeito que você sonhou.

Ainda está com dúvidas? Comente nosso post e fale com a gente! Queremos te ajudar a deixar o seu casamento ainda mais inesquecível!

Veja também: